Arquivo do dia: 2 de maio de 2010

Manoel de Andrade comenta Florbela Espanca

A propósito do post sobre Florbela Espanca, Manoel de Andrade fez um comentário em forma de soneto que merece ganhar a primeira página.

Florbela


.……………………………….

Obrigado, Cleto amigo
por abrir essa janela
e poder olhar contigo
o coração da Florbela.

Encanto, dor e lirismo
e uma triste biografia.
Amor, chama e pessimismo
ardendo na poesia

Onde ecoa agora o canto
daquela alma inquieta
que o mundo aqui não esquece?

Peço a Deus, nesse recanto,
lhe chegue deste poeta,
seu louvor e sua prece.